amp-bb6e66cdb35d24bafe3eb62b9fdfe4ca

Freezer cheio de celulares é deixado pela segunda vez no portão da cadeia pública de Cáceres

Um freezer horizontal ‘recheado’ com 33 celulares foi apreendido na Cadeia Pública de Cáceres, nesta quarta-feira (22/11). De acordo com a direção da unidade prisional, o freezer foi deixado por um motorista de caminhão. Os agentes penitenciários já monitoravam a entrega e fizeram a apreensão.
Os celulares foram acomodados entre a espuma e a parte de plástico da tampa do freezer. Segundo o diretor da Cadeia Pública de Cáceres, Welton Dias Ribeiro, o setor de inteligência da penitenciária soube que o equipamento seria entregue no local e estaria com uma carga de celulares que seria levada para os presos.O freezer foi deixado com a nota fiscal e seria entregue a um dos detentos. Segundo as informações levantadas pelo Núcleo de Inteligência, já foi levantado o nome da pessoa responsável pelos celulares, porém será mantido em sigilo para não prejudicar as investigações.

ad21b81bf95b473e5287db38083c76dc

A primeira tentativa aconteceu no dia 23 de agosto deste ano, quando os agentes encontraram 24 aparelhos celulares dentro de um freezer. Segundo o Coordenador da Cadeia Pública, Revétrio Francisco, o eletrodoméstico foi deixado na portaria. O freezer era a troca de outro existe em um dos pavilhões da cadeia que estava com defeito, porém a pessoa que deixou ainda não foi identificada.

Todas as quartas feiras na parte da manhã são realizadas as entrega de roupas, colchões, ventiladores e a eventual troca de freezer com defeito, sendo que esses eletrodomésticos são de responsabilidade dos familiares dos detentos.

O freezer passou por uma revista minuciosa. Os agentes desconfiaram de alguns parafusos frouxos e certa diferença na espuma, vindo a encontrar os aparelhos.

Por: Joner Campos.

Deixe seu Comentario

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*